Uma volta a mais

Quando tudo o que é possível dá errado no meu dia, me recuso a descer do ônibus e entrar em casa com aquela energia péssima. Permaneço sentado e dou uma volta a mais com o ônibus.

É como se eu voltasse no tempo e apagasse todas as coisas ruins daquele dia.

Enquanto revejo as casas, comércios e outros estabelecimentos no escuro, sinto que restaurei o dia. Já não estão passando por ali as pessoas apressadas e barulhentas que se esbarram e gritam umas com as outras.

Passo novamente pelo prédio onde trabalho e dá para ver que o escritório está vazio, as luzes apagadas, como se aquela loucura toda de prazos, metas e competências nunca tivesse existido ali.

Com quase duas horas de atraso, finalmente desço e sou recebido pelo meu amor que, com toda preocupação do mundo, me pergunta se estou bem. Pois é, as reclamações que fiz por mensagens mais cedo não devem ter sido nada legais de se receber.

Enfim, com sinceridade digo que sim, está tudo bem. E o que restou daquele dia terrível se diluiu naquela volta a mais que dei.

Agora tudo estava calmo, dentro e fora.

De mim. Do ônibus. Da nossa casa.

Podemos dormir em paz.

Publicado por

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s